Página do autor Chico XavierChico Xavier

Foto do autor Chico Xavier

Sexo: Masculino

Nascimento: nasceu no dia 02/04/1910, em Pedro Leopoldo/MG - Brasil.

Morte: morreu no dia 30/06/2002, em Uberaba/MG - Brasil.




Biografia do autor

Nascido em Pedro Leopoldo, cidade do interior de Minas Gerais, era filho de Maria João de Deus e João Cândido Xavier. Educado na fé católica, Chico teve seu primeiro contato com a Doutrina Espírita em 1927[4], após fenômeno obsessivo verificado com uma de suas irmãs. Passa então a estudar e a desenvolver sua mediunidade que, como relata em nota no livro Parnaso de Além-Túmulo, somente ganhou maior clareza em finais de 1931. O seu nome de batismo Franciso de Paula Cândido[1] foi dado em homenagem ao santo do dia de seu nascimento, substituido pelo nome paterno de Francisco Cândido Xavier logo que rompeu com o catolicismo e escreveu seus primeiros livros e mudado oficialmente em abril 1966[5], quando da segunda viagem de Chico aos Estados Unidos.

Segundo biógrafos, a mediunidade de Chico teria se manifestado pela primeira vez aos quatro anos de idade[6], quando ele respondeu ao pai sobre ciências, durante conversa com uma senhora sobre gravidez. Ele dizia ver (clarividência) e ouvir (clariaudiência) os espíritos e conversava com eles. Aos 5 anos conversava com a mãe, já desencarnada[6]. Na casa da madrinha, foi muito maltratado, chegando a levar uma garfada na barriga. Aos sete anos de idade, saiu da casa da madrinha para voltar a morar com o pai, já casado outra vez. Ele, para ajudar nas despesas da casa trabalhava e estudava em escola pública. Por conseqüência, dormia apenas sete horas por dia.

Comentários para o autor

  • Ainda não há comentários!

Escreva o seu Comentário

Faça login ou crie uma conta para comentar esse autor.

Você também pode comentar anonimamente abaixo:

Atenção: Mensagens anônimas ficarão na fila para aprovação e podem demorar para serem publicadas. Por favor, considere criar uma conta e fazer login. É rápido, grátis e não fazemos spam.















7 frases do autor na sorte

  1. Eu permito a todos serem como quiserem, e a mim como devo ser.
    Chico Xavier
  2. Plante amor e paz e a vida lhe trará colheita de paz e amor.
    Chico Xavier
  3. Eu vivo muito alegre, muito feliz, trabalho, tenho sempre muita gente em volta de mim, muita, muita gente na minha vida, é disso que eu gosto.
    Chico Xavier
  4. A criança desprotegida que encontramos na rua não é motivo para revolta ou exasperação, e sim um apelo para que trabalhemos com mais amor pela edificação de um mundo melhor.
    Chico Xavier
  5. Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.
    Chico Xavier
  6. Em qualquer dificuldade, não nos esqueçamos da oração... Elevamos o pensamento a Deus, procurando sintonia com os Espíritos bons.
    Chico Xavier
  7. Não cobres tributos de gratidão.
    Chico Xavier

+ 10 frases do autor na sorte